Imagem capa - Aprender a empreender por Geraldo Neto
DicasEmpreendedorismo

Aprender a empreender


Muito tem se falado sobre esse assunto. Já ouvi pessoas influentes falando de Empreendedorismo como se isso fosse uma habilidade que pode ser aprendida. Já ouvi pessoas falando que Empreendedorismo se aprende na escola. Já ouvi pessoas falando que empreendedor se faz na prática.

Na minha opinião empreendedor não é o fim em si mesmo, mais um meio. Não se estuda para ser empreendedor ou mesmo não se pratica Empreendedorismo.

Se vive Empreendedorismo!

O Empreendedorismo é precedido de outras matérias-primas que o modelam. Quero dizer que, são algumas características pessoais que em conjunto formam o empreendedor. Então, você pode estudar numa escola, matemática, lógica e estes conhecimentos lhe servirão se quiser ser um empreendedor.
Você pode aprender administração, finanças, vendas, marketing, logistica e isto lhe servirá se quiser ser um empreendedor.

Você pode estudar modelos de negócios em escolas de negócios específicas que lhe servirão se quiser ser um empreendedor.

Você pode montar o seu próprio negocio, mesmo sem ter estudado nada disso. Claro que irá cair em “pegadinhas”, que se você contasse com uma base de estudo maior “talvez” não caísse, e isso também poderá lhe ajudar a ser um empreendedor.

Minha visão é que a união entre os estudos, metodologias e práticas podem lhe tornar um empreendedor.

Podem!!!

Por que podem?

Como disse acima há características que moldam e forjam um empreendedor.

– Vontade – aquele sentimento que uns tem em fazer algo extraordinário e que ninguém fez.

– Crença – aquela certeza que somente você pode fazer.

– Atitude – o que bloqueia o medo. Quem faz você seguir em frente mesmo sem todas as respostas.

– Curiosidade – aquela característica que faz você encontrar e ver coisas que outras não vêem.

– Bondade – um sentimento puro de contribuir para resolver o problema de muitas pessoas.

– Fé – o propósito certo, na medida certa, que promove outras habilidades individuais. Quais:

1- determinação
2- foco
3- desejo de realização
4- despreocupação com resultado financeiro
5- coragem

Na minha vida pude ver e sentir tudo isso, desde meu primeiro negocio. Mesmo antes, quando deixei meus empregos formais com carteira assinada e dinheiro certo no fim do mês, para cair no mundo dos negócios, experimentar e viver o Empreendedorismo depois e viver dele.

“É um estado da arte”

Crer, fazer, doar e receber!