Imagem capa - Modelo de Negócio. por Geraldo Neto
DicasEmpreendedorismo

Modelo de Negócio.


Existem 3 coisas que uma empresa tem de entender muito bem se quiser competir com vantagem sobre seus concorrentes:

1) Seu modelo de negócio
2) A estratégia de negócio para desenvolver esse modelo
3) A execução da estratégia para colocá-la em prática

Um bom modelo de negócio responde a algumas perguntas de Peter Drucker – o maior guru em gestão atualmente:

“Quem é o cliente?”

“O que é valor para o cliente”.

Também responde perguntas fundamentais que qualquer gestor deve se perguntar:

“Como nós fazemos dinheiro nesse negócio?”

“Como nós podemos oferecer valor para o cliente com um preço apropriado?”.

Em síntese, é um método científico: você começa com uma hipótese, testa na realidade e revisa se necessário.

É importante ressaltarmos que modelo de negócio não é a mesma coisa que estratégia de negócio – e muita gente confunde seus conceitos.

Modelo de negócio mostra o sistema da empresa: como as peças do quebra cabeças se unem.

Mas eles geralmente não avaliam questões macro-ambientais (forças influenciadoras do mercado), como a concorrência. Mais cedo ou mais tarde, e é geralmente mais cedo, todos os negócios enfrentam a concorrência e lidar com essa realidade é função da estratégia.

A estratégia de negócio leva em conta toda a cadeia de valor da empresa, começando com as:

–  Compras que a empresa realiza;

–  Como ela agrega valor aos insumos que recebe;

–  Como vende o que produz para os clientes.

Cada departamento da empresa é analisado dentro da cadeia de valor, para que fique claro como é que agregam valor ao processo.

A tarefa de desenvolver uma estratégia de negócio é muito importante para os resultados que ele poderá gerar, pois no processo de sua criação você já pode começar a identificar possíveis falhas, ou oportunidades desperdiçadas dentro da empresa ou do departamento.

Ao finalizá-lo, você será capaz de:

– Ter uma visão geral da empresa;

– Como tudo funciona;

–  Os pontos de ligação;

–  As pessoas por trás das atividades;

–  A estratégia de negócio;

–  A avaliação dos resultados obtidos.

O modelo e a estratégia de negócio, quando desenvolvidos e usados corretamente, força os gestores a pensar rigorosamente sobre seus negócios.

Hoje, modelo de negócio e estratégia de negócio são dois dos termos mais usados em gestão. E por um motivo: estes conceitos têm um enorme valor prático. Muitos gestores não os aplicam por falta de conhecimento teórico. Definição traz claridade. Quando se trata de conceitos que são tão fundamentais para o sucesso de uma empresa, nenhum gestor pode ficar sem estudá-los.